A RESPONSABILIDADE DAS AGÊNCIAS DE VIAGENS NO CANCELAMENTO E ATRASOS DE VOOS EM TEMPOS DE CRISE

Autores

  • Álef Augusto Pereira Correia

DOI:

https://doi.org/10.13102/rjuefs.vi3.5666

Resumo

A presente pesquisa analisou as possibilidades de responsabilização de agências de viagens em casos de cancelamento, atrasos e desistências de voos decorrentes da crise do COVID-19. Inicialmente, tratou-se de entender o sistema de proteção assegurado no Código de Defesa do Consumidor e contextualização histórica e constitucional. O estudo aborda tanto a distinção entre as agências de viagens, operadoras de turismo e empresas de transporte aéreo como também os elementos jurídicos que compõe a caracterização e/ou exclusão da responsabilidade civil e ocorrências das chamadas práticas abusivas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Álef Augusto Pereira Correia

Bacharelando em Direito pela Universidade Estadual de Feira de Santana. Pesquisador no grupo Direito, Linguagem e Produção de Conhecimento. Conselheiro Departamental no Departamento de Ciências Sociais Aplicadas da Universidade Estadual de Feira de Santana. Monitor Bolsista de Filosofia, Direito e Teoria(s) da Argumentação Jurídica. Monitor voluntário da disciplina Direito Constitucional I. Extensionista voluntário em Altercações Filosóficas: Ciclo de Palestras em Filosofia. 

Publicado

2022-07-25